O labor de aquisição de saberes e a produção do conhecimento científico
A criação de uma área destinada à pesquisa científica desvela o olhar visionário do PDK advogados que, diversamente dos tradicionais escritórios de advocacia, compreende a inexorável necessidade de aperfeiçoamento do arcabouço teórico-científico para encontrar soluções inovadoras, responsáveis e funcionais para os clientes.

Nas veredas jurídicas deparamo-nos com ventos pretéritos que sussurram aos operadores do direito os rituais que colocam o conhecimento acadêmico e a prática jurídica em planos topograficamente distintos. O conhecimento empírico revela que ainda paira na atmosfera cotidiana dos advogados a antiga ideia de fraca conexão entre a teoria e a prática: aprende-se uma coisa e faz-se outra, como se a troca de impulsos entre ambos não fosse suficientemente forte para vislumbrar que os planos que oferecem morada aos conhecimentos que aqui cuidamos, aparentemente distintos, estão profundamente conectados.  

A reprodução irrefreada de antigos costumes limita não só a aquisição de novos saberes, como, também, a própria produção do conhecimento científico, e os poucos escritórios que ousam desafiar as novas possibilidades estão sujeitos à desilusão e ao regresso, especialmente em decorrência do confronto entre as técnicas aplicadas à pesquisa e aquelas exploradas no contencioso ou no consultivo, pois o acesso aos novos saberes e à produção da ciência demanda esforços exegéticos e temporais distintos dos que requerem as formas habituais de exercício advocatício.  

Isso não significa, contudo, que há uma completa impossibilidade de comunicação entre esses diferentes campos de atuação. O Direito como ciência integrada desenha caminhos para proporcionar o encontro de áreas, de matérias, e de técnicas vistas superficialmente como incompatíveis. A pesquisa com escopo bem delineado abre caminhos para a propositura de teses jurídicas inovadoras e responsáveis, para o patrocínio de estudos e o direcionamento a trabalhos que colaboram para que tomemos a nossa realidade e observemo-la sob outras perspectivas e, sobretudo, para concedermos a melhor orientação ao negócio dos clientes sob a máxima da responsabilidade, direcionando-os, quando houver verificada necessidade, às demais áreas do escritório aptas a colaborar na busca pela melhor solução.   

O ano de 2023 nos alcança com novos sonhos, desafios e com novas metas. A consolidação da área de pesquisa científica pelo PDK Advogados indica os rumos à inovação que são traçados desde os seus primórdios, abandonando os atos repetidos sintomaticamente por outros modelos advocatícios em honra à tradição. Com as novas oportunidades que nos são oferecidas pelo tempo, destacamos a realização de pesquisas científicas para o mercado, o desenvolvimento de teses jurídicas inovadoras, e a produção de conhecimentos aptos à resolução dos embates enfrentados pelos vários setores sociais nas mais diversas áreas do Direito.   

Não nos limitaremos à reprodução dos saberes já dominados, mas navegaremos juntos pelo desconhecido rumo às melhores e mais factíveis soluções jurídicas para os nossos clientes, para o mercado, e, sem sombra de dúvidas, para a própria sociedade.   

Mais
Insights